[ 10 mensagens ] 

Índice do fórum : Áudio & Acústica (Audio Engineering Program - AEP) : Acústica em Áudio e Studio Design (AEP110)

Autor Mensagem
 Título: isolação
MensagemEnviado: 23 Mar 2008, 19:57 
Avatar do usuário

Registrado em: 29 Out 2007, 09:52
Mensagens: 30
Localização: São Paulo, Brasil
Vejo poucas dúvidas aqui no fórum com relação a isolação de salas, por esse motivo abri esse tópico para responder tudo o que você gostaria de saber mas não tinha para quem perguntar.

Saber a isolação necessária para a sua sala é fundamental para que comece bem seu projeto, além disso, será decisivo no momento em que orçar sua obra.
O ideal é desenvolver o lay-out do estúdio sabendo como será sua isolação (espessura e material das paredes) e desenvolver as salas de forma a otimizar o uso das aberturas e passagens, o uso de visores e portas trás sempre versatilidade a um estúdio, mas seu uso excessivo pode aumentar muito o custo da obra ou fragilizar sua isolação, por esse motivo deve-se exaustivamente testar o máximo de posicionamento entre os ambientes até ter certeza de que chegou no melhor aproveitamento do espaço.

Como cada m² num estúdio é sempre muito útil e muito caro de ser construído, é fundamental tirar o máximo de funcionalidade de cada ambiente. Uma antecâmara na entrada trará uma ótima atenuação para o estúdio, principalmente na circulação entre as salas. Faça desse ambiente um coringa e trate-o de forma a criar uma sala versátil e que possa ser usada também como ambiente de captação.

_________________
Luiz Guilherme Martinelli
Arquiteto
OMiD international audio academy
http://audioacustica.com.br


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 24 Mar 2008, 17:12 
Avatar do usuário

Registrado em: 01 Nov 2007, 09:12
Mensagens: 29
Localização: Curitiba
Ola!
Aproveitando que este topico foi aberto, vou postar algumas duvidas sobre portas acusticas.
Primeira duvida eh com relaçao a portas que utilizam recheio de la de vidro. A la tem alguma contribuiçao nessa situaçao?
A segunda duvida eh em relaçao ao vao da porta na parte de baixo, em situaçao onde nao eh possivel deixar desnivel para vedaçao completa. Ja vi detalhes onde eh inserido la de vidro na face inferior da porta e na soleira. Essa medida proporciona diferença significativa ou eh apenas 'melhor que nada'?


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação e portas acústicas</b>
MensagemEnviado: 25 Mar 2008, 22:19 
Bronze

Registrado em: 29 Out 2007, 12:26
Mensagens: 243
Localização: São Paulo, Brasil
Olá Yoko !

Como normalmente as portas acústicas possuem um vão interno entre as folhas, utilizar lã ao invés de ar é mais recomendado.
Além de auxiliar marginalmente na absorção de médios/agudos - e consequentemente no índice de transmissão da porta - a lã alarga a banda e diminui a intensidade da ressonância entre as folhas, já que a dimensão do vão (distância entre as folhas) favorece a ressonância de determinadas frequências, diminuindo a isolação.

Sobre a fresta embaixo da porta, lembre-se que a isolação é tão eficiente quanto o elo mais fraco !
Por exemplo, se a porta vedada tiver um STC de 60dB e uma fresta equivalente em uma parede tivesse um STC de 30dB, a estrutura final terá um STC bem próximo de 30dB....
A lã utilizada como "remendo" na fresta ajudará um pouco a aumentar o STC da fresta, mas não a ponto de chegar próximo do STC da porta. Desníveis e/ou vedações precisas são essenciais em todo projeto de isolação !

Abs

_________________
Dennis Zasnicoff
Produtor Musical


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 31 Mar 2008, 11:36 
Avatar do usuário

Registrado em: 29 Out 2007, 09:52
Mensagens: 30
Localização: São Paulo, Brasil
Olá Yoko,
Muito bem lembrado sobre a vedação da porta.
Como o Dennis comentou, sua isolação será tão boa quanto o elo mais fraco da sua estratégia. Por esse motivo a vedação é determinante na qualidade final da sua porta, fazer uma porta pesada e com estratégias de desacoplamento e ressonâncias diferentes é relativamente fácil, envolve basicamente uma boa escolha de materiais.
Nossa sugestão é a de usa uma borracha que, ao ser pressionada, reduza sua espessura para 1/3 da sua espessura inicial, e que possua uma resiliência adequada para que volte à sua espessura normal todas as vezes que não estiver pressionada. Existem muitas no mercado e elas podem variar de loja para loja e de épocas em épocas, o ideal é fazer alguns testes antes de fazer a escolha final, durante a regulagem da porta.

Sobre a fresta inferior, há ferragens no mercado que solucionam esse tipo de problema, porém não é uma solução recomendada para estúdios onde o nível de transmissão de ruído deve ser muito baixo. Use para salas de reunião, pequenos auditórios e para uso residêncial. São ferragens tipo guilhotina colocadas na parte inferior da porta que possuem um botão na lateral, acionado no momento em que a porta fecha e que pressiona todo o conjunto contra o chão.

Não é uma solução barata, mas acompanha o custo de uma uma porta de isolação bem feita, além disso, é uma solução limpa e praticamente imperceptível. Pesquise esse material na Hafele e na Zero International.

Abraço!

_________________
Luiz Guilherme Martinelli
Arquiteto
OMiD international audio academy
http://audioacustica.com.br


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 25 Abr 2009, 12:55 

Registrado em: 13 Jan 2009, 16:39
Mensagens: 6
Oi Omid, Luiz, Yoko & Dennis.
Gosto muito das discussões que vcs elaboram em assuntos tão importantes. Adoro a discussão sobre Bass Trap que o Omid abriu, e foi extendida por quatro páginas. Foi muito útil pra mim :wink: .
Gostaria de participar deste tópico, pois penso muito sobre propriedades da matéria X propriedades de isolamento. Sempre considerando soluções práticas, baratas e eficientes.
Estava utilizando o aplicativo passado no curso, o visualizador de onda; Longitudinal Waves. AJ Marsh.
Ao mudar a propriedade de viscosidade e usar o "mel" como meio de propagação, fiquei impressionado com a quase anulação da propagação.
Vou lançar aqui uma idéia que me ocorreu que está ligada diretamente à propriedades da Hidráulica como no caso da viscosidade.
Assisti em um programa sobre "Armas do Futuro", os caras mostrando um dispositívo para desarmar Bombas que usa uma impressionante propriedade hidráulica: A Imcompressibilidade da Água.

Um carro cheio de explosivo C4. Ao invés de desarmar, colocam o dispositívo em baixo dos C4 e BUUM!! O que acontece é simples e genial. O dispositivo é um explosivo plástico e por cima uma porção específica de água. Quando explode, TODA energia é transferida para a água que por ser imcompressível, tende a continuar transferindo a energia e cria uma enorme coluna que atravessa o carro e desmancha os C4.
O mesmo explosivo é usado para abrir portas. Colocado na fechadura, a coluna de água abre um buraco em porta resistentes na primeira explosão liberando a invasão militar.

Eu comecei a matutar à respeito desta capacidade de ser incomprimível no isolamento. O quanto seria possível utilizar um sistema hidráulico (hipotético) de maneira a impedir a transferência de pressão acústica, obtendo portanto o isolamento. Uma vez que a energia tenta comprimir o sistema, ele "devolve" para dentro por não se comprimir. Portanto nenhum som é transferido. Pensando se isso poderia ser possivelmente mais eficiente e prático que box-in-box + vácuo.

Me ocorreu uma idéia complementar, lembrando das propriedades do Kevlar e outros como material composto. No caso acústico, o quanto seria possível reproduzir este efeito com a variação de densidade / viscosidade obtendo perda de energia pela variação sucessiva de refração.

Aguardo a opnião de vocês. Abraço.


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 04 Jun 2009, 04:52 

Registrado em: 12 Abr 2009, 00:52
Mensagens: 7
Aí, Leonardo,
A incompressibilidade da água (na verdade, a baixíssima compressibilidade) faz com que a pressão aplicada em um ponto se propague por todo o volume ocupado por ela (desconsiderando por ora as diferenças devido à altura). Por isso, acredito que a água não seria um bom isolante.
Mas a experiência que você relatou com materiais de altíssima viscosidade é interessante. Será que um óleo absurdamente viscoso, ou uma graxa, poderia ser usado no lugar de ar + lã de rocha em um enchimento de parede ou porta isolante? Ou este material criaria uma "ponte"? Como relacionar o isolamento com a compressibilidade e com a viscosidade, para ver qual técnica é mais vantajosa?
Já a variação de refração tem efeito positivo, como vimos na aula sobre isolamento - técnica de mistura de materiais. Um sanduíche de vidro e resina (o vidro laminado) pode ser visto como um compósito, do ponto de vista de áudio. A diferença para um compósito real é que, neste, os materiais não formam camadas que fecham toda a área do material, como ocorre com o vidro laminado. Acredito que o compósito levaria desvantagem nas baixas frequências devido a isso - um dos materiais se tornaria acusticamente transparente.
Abraços,
Emerson


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 04 Jun 2009, 05:01 
Bronze

Registrado em: 29 Out 2007, 12:26
Mensagens: 243
Localização: São Paulo, Brasil
Muito interessante a discussão!

Eu imagino que não funcionaria como um bom isolante de som...

Como disse, é um excelente isolante de DESLOCAMENTO de ar, mas trata-se de um excelente condutor de som. Pode-se ouvir sons de baleias a centenas de kilômetros no mar, a água conduz o som com maior velocidade e menos dissipação do que ar.

Isso significa que ao chegar na próxima estrutura (recipiente), este último vibrará com intensidade e fará o ar em contato também vibrar.
Seria um ótimo experimento!

Abs
Dennis

_________________
Dennis Zasnicoff
Produtor Musical


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 04 Jun 2009, 07:21 

Registrado em: 13 Jan 2009, 16:39
Mensagens: 6
Que bom que vocês gostaram desta discussão, pois foi justamente por isso que postei; Pra que pudessemos fazer um Brainstorm e chegar a algumas possibilidades teóricas que justifiquem possíveis experimentos mais objetivos.
Sei que o som se desloca em meio aquoso. Por isso me questiono se existe um Paradoxo.

Emerson, como você mesmo se questionou e nos perguntou;
"Será que um óleo absurdamente viscoso, ou uma graxa, poderia ..", e é esta a minha dúvida.
O experimentos com desarmamento de bomba, me fizeram justamente pensar sobre Hidráulica e seus princípios.
Como você disse, a água espalha toda a pressão aplicada em um ponto.
Ao ser impedidada de um lado, ela transfere 99 % da energia para outro lado, levantando, movendo, abrindo,etc..
No caso das bombas, foi usado água mas outros sistemas usam provavelmente o tal óleo extremamente viscoso.
A questão teórica, antes de se especular os aspectos práticos com os quais os Engenheiros tem que se rebolar pra solucionar, é a seguinte:
- Hidráulica lida com Forças Vetoriais, Trabalho, etc.
- A Força Hidráulica é maior e contraria à força que se quer anular; gravidade (na maioria), atrito e outras..
- O Som (a ser isolado) se torna uma Força Vetorial ao ser refratado na parede, quando muda de massa de ar para as diferentes massas de parede (Dentro > pra > Fora .ou. Fora > pra > Dentro). São Vetores aplicados em Ciclos, mas são Forças.

A questão que me surge é;
Será que é possível aplicar o mesmo princípio hidráulico capaz de erguer um Farol Marítmo, uma Casa (!!) e obter uma anulação das forças sônicas?
O fator Vibração é um problema a ser resolvido também, mas Tecnologia e Engenharia existem pra solucionar e criar as maravilhas modernas que à algumas décadas eram coisa de ficção e filmes.
A direcionaldidade de um microfone hipercardioide, com seus cancelamentos, é uma solução semelhante em princípio a alguma forma de cancelamento destas vibrações.
Acredito que seja um estudo interessante e possívelmente mais barato que as atuais pesquisas com eletromagnetismo (o mesmo dos trens bala) para suspender/deslocar o estúdio e com isso melhorar o BOX-in-BOX.

Aguardo suas opniões.


Anexos:
Descrição do arquivo: Representação da Anulação de Forças.
Sistema_Hidraulico.jpg
Sistema_Hidraulico.jpg [ 35.38 KiB | Exibido 6083 vezes ]
Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 04 Jun 2009, 14:54 

Registrado em: 12 Abr 2009, 00:52
Mensagens: 7
Opa, acho que temos que falar um pouco de princípios.

1.Não existe "força vetorial". Forças são direcionais, e podem ter representação vetorial. Os vetores são apenas uma forma eficiente de representar e combinar grandezas direcionais.
2.Forças são parte de todas as áreas da mecânica, incluindo acústica e hidráulica. Então, quando uma onda está no ar, numa parede ou na água, ela gera forças e movimentos, que podem ser, naturalmente, representados por vetores. O que muda de um meio pro outro é essa relação entre forças e movimentos (impedância mecânica).
3.A força hidráulica não é necessariamente maior ou menor que outra. Ela depende de uma série de fatores, e pode assumir qualquer módulo ou direção dentro do possível.
4.Quando o som passa de um meio para o outro, ele continua sendo um par força/movimento, bem representado por vetores. Ele perde parte da força e/ou do movimento, dependendo dos meios envolvidos. Quando os meios tem massas bem diferentes, como ar e concreto armado, a perda é maior.
5.O princípio que sustenta um farol, um navio ou um balão é o empuxo. Não vejo ele como um fator isolante. Até para sustentar uma sala seria muito difícil. Talvez com mercúrio... :roll:

A parte sobre os microfones direcionais é interessante. Você já leu sobre cancelamento ativo de ruído? Por exemplo, cabines de avião usam alto-falantes para cancelar os ruídos das turbinas. Há protetores de ouvido ativos, que usam este princípio (falantes cancelando o ruído ambiente). Talvez você possa pensar nesse princípio para isolamento, mas é muito difícil. Imagina o seguinte: em cancelamento ativo, consegue-se reduzir o som em um ponto específico. Agora imagina a dificuldade para fazer isso em um volume inteiro...

Agora, juntando tudo: um fluido (ar, água, óleo, graxa, creme retificador de cutícula...) entre duas paredes, as duas do box-in-a-box. Será que um transdutor externo pode aplicar uma pressão no fluido de forma a cancelar a pressão gerada pela sala (ou pela área externa)? Não é uma tarefa fácil, pois a pressão varia com o tempo e com o espaço. Teria de ser um fluido com velocidade de transmissão sonora muito alta, e o princípio só valeria para frequências muito baixas. E o tal transdutor não poderia tocar as paredes, senão perde-se o isolamento.

Enfim, é treta pra mais de metro, mas o papo é interessante.
Abração,
Emerson


Back to top
   
 
 Título: Re: <b>isolação</b>
MensagemEnviado: 13 Jul 2011, 09:28 

Registrado em: 11 Jul 2011, 18:01
Mensagens: 1
Bom dia!!!

Sou arquiteta e fui contratada para executar um estúdio baseado no projeto de acústica do engenheiro.

Por ter um custo, o cliente pediu que encontrasse uma porta acústica um pouco mais barata. Comprei uma porta da Sincol, chamada Silentia, porém para tristeza minha e do cliente a porta não segura nem o mínimo de som que ela promete que são 20db. Ela veio com uma borracha comum na volta toda e um veda porta na parte inferior.

Gastaria de saber se vc tem alguma dica para o que fazer com a porta para resolver o problema. Pensamos em colocar uma borracha mais grossa e oca na volta toda da porta e um feltro no batente e na porta, será que isso vai ajudar?

Grata,
Cecília


Back to top
   
 
Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
   [ 10 mensagens ] 

Índice do fórum : Áudio & Acústica (Audio Engineering Program - AEP) : Acústica em Áudio e Studio Design (AEP110)


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 5 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Procurar por:
Ir para:  
cron